Textos

20 de março de 2013

Inventário dos Ditos Populares Brasileiros Temperados

Na semana temática “nossa língua” do projeto “O Brasil com S“, pesquisei vários ditados populares e suas histórias curiosas no livro “Mas será o benedito?” do Mario Prata, e fiquei surpresa com a quantidade deles relacionados à alimentação.

Um dito deve “apresentar um conselho, uma recomendação ou uma lição de moral em determinada ocasião. É uma síntese do que originalmente seria dito em muitas palavras”, explica o historiador Luiz Guilherme Santos Neves, em entrevista para o jornal Gazeta. E, mais que isso, ele representa uma herança cultural sobre a relação de, no caso, um brasileiro com o alimento.

Decidi, então, fazer um breve Inventário dos Ditos Populares Brasileiros com bastante Tempero:

“vai acabar em pizza”: não vai dar em nada

“vender o peixe”: tratar seus interesses com habilidade

“tempestade em copo d’agua”: fazer um escândalo por nada

“sopa no mel”: o bom, no melhor. Grande oportunidade.

“pisar na jaca”: cair na farra, ou, para os de dieta: comer tudo que não deve!

“pimenta no cú dos outros é refresco”: você está rindo porque não é com você.

“arroz de festa”: aquele que está sempre presente nas festas.

“colocar a mão na massa”: ir e fazer com as próprias mãos.

“batata quente”: problema.

“no frigir dos ovos”: resultado final.

“encher linguiça”: enrolar.

“faca e queijo na mão”: com tudo a seu favor.

“olho maior que a barriga”: comer mais do que devia.

“água na boca”: salivando, com vontade de comer.

“a rapadura é doce, mas não é mole não”: posso parecer frágil, mas sou forte.

“chorar o leite derramado”: lamentar-se por algo que não tem mais solução.

“mamão com açucar”: facinho.

“abacaxi”: problema.

“café com leite”: uma referência à política dos Estados de Minas e São Paulo – Minas entrava com o leite, São Paulo, com o café, e os dois estados dividiam o poder político nacional.

E você? Aposto que existem vários outros ditos na ponta da sua língua!

 

*Imagem: “Por um Fio”, de Anna Maria Maiolino.

Ana Luiza Gomes
Leia mais textos de Ana Luiza aqui.